Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/345113
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Influência das vias de sinalização de grelina e orexina sobre a expressão gênica de tirosina hidroxilase em linhagem de células neuronais
Title Alternative: Influence of ghrelin and orexin signaling pathways on tyrosine hydroxylase gene expression in neuronal cell lineage
Author: Marostica, Rafael, 1991-
Advisor: Morari, Joseane, 1982-
Abstract: Resumo: Sabe-se que o controle da fome se dá através dos sistemas homeostático e hedônico. O sistema homeostático é representado pelo hipotálamo, o qual apresenta importante função na regulação da homeostase energética através de sua sensibilidade e resposta aos principais hormônios reguladores de fome (grelina) e saciedade (leptina e insulina). Uma das principais regiões do sistema hedônico é chamada de Midbrain. Ela é composta por uma estrutura importante no controle da busca pelo alimento, a área ventral tegmental (VTA). Esta região é capaz de responder ao hormônio periférico Grelina e ao neuropeptídeo Orexina. A Grelina é um dos principais hormônios responsáveis por regular a ingestão alimentar.Tal hormônio apresenta seus receptores (GHSR1a) em neurônios dopaminérgicos presentes na região do VTA podendo influenciar a produção de dopamina. Já a Orexina é liberada pelo hipotálamo lateral e encontra seus receptores HCRTR1 em neurônios dopaminérgicos presentes na VTA e estimula a liberação de dopamina. Entretanto, pouco se conhece a respeito dos mecanismos de controle de produção de dopamina em resposta à Grelina e Orexina. Nesse contexto, resolvemos avaliar o envolvimento desses peptídeos em linhagem de células neuronais. Um delas, a Neuro 2a, tem capacidade de se diferenciar em uma célula dopaminérgica através do aumento na expressão de Tirosina Hidroxilase (Th). Essa diferenciação repercutiu no aumento da expressão gênica de Orexina (Hcrt) e de seu receptor Hcrtr1, sendo que o último, quando inibido através de um siRNA, repercutiu na ausência de aumento da expressão de Th de Hcrt. Portanto, o receptor Hcrtr1, parece ter importante papel na diferenciação de Neuro2a em células dopaminérgicas através da modulação da expressão de Th. Pelo fato da linhagem Neuro2a não responder ao tratamento com Hexarelina (agonista da Grelina), resolvemos avaliar a resposta da linhagem de células hipotalâmicas mHypoA 2/29 ao tratamento com este agonista. Esse tratamento nos mostrou que a Hexarelina apresenta função relevante nessa linhagem celular hipotalâmica por ser capaz de ativar a expressão gênica de AgRP

Abstract: Hunger control is known to occur through homeostatic and hedonic systems. The homeostatic system is represented by the hypothalamus, which plays an important role in regulating energy homeostasis through its sensitivity and response to the main hormones that regulate hunger (ghrelin) and satiety (leptin and insulin). One of the main regions of the hedonic system is called Midbrain. It consists of an important structure in controlling the search for food, the ventral tegmental area (VTA). This region is capable of responding to the peripheral hormone Ghrelin and the neuropeptide Orexin. Ghrelin is one of the main hormones responsible for regulating food intake. Such a hormone has its receptors (GHSR1a) in dopaminergic neurons present in the VTA region and may influence the production of Dopamine. Orexin is released by the lateral hypothalamus and finds its HCRTR1 receptors in dopaminergic neurons present in the VTA and stimulates the release of Dopamine. However, little is known about the mechanisms for controlling Dopamine production in response to Ghrelin and Orexin. In this context, we decided to evaluate the involvement of these peptides in neuronal cell lineage. One of them, Neuro 2a, has the ability to differentiate into a dopaminergic cell by increasing the expression of Tyrosine Hydroxylase (Th). This differentiation also reflected in the increase in the gene expression of Orexin (Hcrt) and its receptor Hcrtr1, the latter, when inhibited by a siRNA, reflected in the absence of increased expression of Hcrt Th. Therefore, the Hcrtr1 receptor seems to have an important role in the differentiation of Neuro2a in dopaminergic cells through the modulation of Th expression. Because the Neuro2a strain does not respond to treatment with Hexarelin (ghrelin agonist), we decided to evaluate the response of the cell line hypothalamic mHypoA 2/29 to treatment with this agonist. This treatment showed us that Hexarelin has a relevant function in this hypothalamic cell line because it is capable of activating the gene expression of AgRP
Subject: Área tegmentar ventral
Tirosina 3-mono-oxigenase
Dopamina
Hexarelina
Orexinas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MAROSTICA, Rafael. Influência das vias de sinalização de grelina e orexina sobre a expressão gênica de tirosina hidroxilase em linhagem de células neuronais. 2020. 1 recurso online ( 37 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Marostica_Rafael_M.pdf1.7 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.