Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335784
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Acurácia dos indicadores clínicos dos diagnósticos de enfermagem do subconjunto terminológico "community nursing" para usuários hipertensos e diabéticos
Title Alternative: Accuracy of the clinical indicators of nursing diagnoses of the "community nursing" terminoly subset for hipertensive and diabetic users
Author: Costa, Paula Cristina Pereira da, 1985-
Advisor: Duran, Erika Christiane Marocco, 1974-
Abstract: Resumo: Subconjuntos Terminológicos são definidos como agrupamentos de diagnósticos, resultados e intervenções de enfermagem que favorecem a adoção de uma linguagem unificada para um grupo selecionado de usuários ou em uma área específica da enfermagem, são de utilização mundial e auxiliam a documentação sistemática da prática de enfermagem no contexto do Processo de Enfermagem. Nesse contexto, a utilização do Subconjunto Terminológico da Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem "Enfermagem Comunitária" poderá promover o processo de enfermagem na Estratégia Saúde da Família, uma vez que permite a integração da linguagem com o cotidiano da prática, constituindo-se uma referência de fácil acesso aos enfermeiros, auxiliando-os no processo de tomada de decisão, por meio da identificação de fenômenos de enfermagem, resultados e intervenções de enfermagem de maneira acurada. A acurácia de um Diagnóstico de Enfermagem consiste na capacidade do mesmo representar o real estado do usuário. Na enfermagem, estudos de acurácia diagnóstica objetivam identificar a acurácia dos indicadores clínicos de um Diagnóstico de Enfermagem em uma população específica. O objetivo desse estudo foi determinar as medidas de acurácia dos indicadores clínicos dos diagnósticos de enfermagem contidos no subconjunto de Diagnósticos de Enfermagem para usuários hipertensos e/ou diabéticos que frequentam a Atenção Primária à Saúde, construído com base no Subconjunto Terminológico "Enfermagem Comunitária". Trata-se de um estudo metodológico, de acurácia diagnóstica, que avalia a relação que ocorre entre um teste diagnóstico e o padrão de referência. O estudo foi realizado em quatro etapas. A Etapa 1 compreendeu o início do subconjunto de Diagnósticos de Enfermagem, com identificação da população e contato via e-mail com o Conselho Internacional de Enfermeiros; a Etapa 2 compreendeu a Revisão Integrativa da Literatura com intuito de identificar os indicadores clínicos para usuários hipertensos e/ou diabéticos que frequentam a Atenção Primária à Saúde, desenvolver suas definições conceituais e operacionais, bem como identificação dos diagnósticos de enfermagem contidos no Subconjunto Terminológico "Enfermagem Comunitária"; a Etapa 3 compreendeu a análise de conteúdo dos indicadores clínicos e dos diagnósticos de enfermagem contidos no Subconjunto de Diagnósticos de Enfermagem para a população hipertensa e/ou diabética; a Etapa 4 compreendeu a validação clínica dos indicadores clínicos e dos diagnósticos de enfermagem contidos no Subconjunto de Diagnósticos de Enfermagem para hipertensos e/ou diabéticos por meio das medidas de acurácia. O Subconjunto de Diagnósticos de Enfermagem foi composto por 25 diagnósticos de enfermagem correlacionados com 37 indicadores clínicos. Dos 25, 22 DE já compunham o Subconjunto Terminológico "Enfermagem Comunitária". Três não estavam presentes no referido Subconjunto Terminológico, mas foram inferidos pelas pesquisadoras, validados posteriormente pela análise de conteúdo e considerados acurados pela análise de acurácia, quais sejam: Hiperglicemia, Hipoglicemia e Percepção tátil prejudicada. O DE mais prevalente foi Não adesão ao regime de segurança (85,4%). Dessa forma, será proposto ao Conselho Internacional de Enfermeiros a inclusão desses novos diagnósticos de enfermagem ao referido Subconjunto Terminológico. Aliado a este fato, tem-se a validação de elementos que compõem o Processo de Enfermagem na Atenção Primária à Saúde, subsidiando a práxis do enfermeiro, refletindo uma assistência de qualidade e resolutiva

Abstract: The International Classification of Nursing Practice is a language that expresses elements of nursing care that allows comparisons among clinical contexts, populations, geographical areas and also the identification of their contribution to the multidisciplinary team. Its Terminolys Subsets are defined as groupings of diagnoses, outcomes and nursing interventions that favor the adoption of a unified language for a selected group of users or in a specific area of worldwide use nursing for systematic documentation of nursing practice. In this context, the use of the Terminology Subset of the International Classification of Nursing Practice "Community Nursing" can promote the nursing process in the family health strategy, since it promotes the integration of language with the clinical practice, constituting a reference of easy access to the nurses, assisting them in the decision-making process, through the identification of nursing phenomena, results and nursing interventions in an accurate manner. The accuracy of a nursing diagnosis consists of the capacity of the nursing to represent the real state of the patient. In nursing, diagnostic accuracy studies aim to identify the accuracy of the clinical indicators of a nursing diagnosis in a specific population. The objective of this study was to determine the accuracy measures of clinical indicators of nursing diagnoses for hypertensive and diabetic patients based on the catalog "Community Nursing". This is a cross-sectional, diagnostic accuracy study that evaluates the relationship between a diagnostic test and the reference standard. The study was conducted in four stages. Stage 1 comprised the start of the sub-catalog, with identification of the population and contact by e-mail with the International Council of Nurses; Step 2 comprised the Integrative Literature Review in order to identify clinical indicators for hypertensive and / or diabetic users attending the Family Health Strategy, their conceptual and operational definitions, as well as the identification of the nursing diagnoses contained in the catalog "Community Nursing "; Step 3 comprised the content analysis of clinical indicators and nursing diagnoses contained in the sub-catalog "Community Nursing" for the hypertensive and / or diabetic population; Step 4 comprised the clinical validation of the clinical indicators and nursing diagnoses contained in the sub-catalog "Community Nursing", through the measures of accuracy. The sub-catalog "Community Nursing" was composed of 25 nursing diagnoses correlated with 37 clinical indicators. Of the 25, 22 DE were already included in the catalog "Community Nursing". Three were not present in this catalog, but were inferred by the researchers, later validated by the content analysis and considered accurate by the accuracy analysis, namely: Hyperglycemia, Hypoglycemia and impaired tactile perception. Thus, the International Council of Nurses will be proposed to include these new nursing diagnoses in this catalog. Allied to this fact, we have the validation of the elements that make up the Nursing Process in Primary Care, subsidizing the nurse's praxis, reflecting quality and resolutive assistance
Subject: Classificação
Processo de enfermagem
Cuidados de enfermagem
Atenção primária à saúde
Terminologia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: COSTA, Paula Cristina Pereira da. Acurácia dos indicadores clínicos dos diagnósticos de enfermagem do subconjunto terminológico "community nursing" para usuários hipertensos e diabéticos. 2018. 1 recurso online (194 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Enfermagem, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:FENF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_PaulaCristinaPereiraDa_D.pdf3.49 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.