Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/333505
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Planejamento, informação e circulação : as concessões dos aeroportos brasileiros e os usos corporativos do território
Title Alternative: Planning, information and circulation : the concession brazilian airports and the corporate uses of the territory
Author: Teixeira, Sérgio Henrique de Oliveira, 1984-
Advisor: Silva, Adriana Maria Bernardes da, 1967-
Abstract: Resumo: Na presente tese, busca-se identificar as novas práticas de transferência das materialidades do território e do planejamento territorial para as grandes corporações. Sob a insígnia da eficiência estratégica, os poderes públicos estatais têm transferido suas funções de planejamento para grandes corporações que verticalizam ordens e ações globais extravertidas, impondo ao território lógicas e modelos formulados no centro do sistema capitalista e que têm o objetivo de manter os países da periferia subordinados e subservientes a um regime de espoliação mundializado. Nossa tese é a de que, nos últimos anos, se conformou no Brasil um novo tipo de planejamento territorial, pautado nos outros usos que são feitos dos elementos estruturadores do território. Lançando luz sob os aspectos territoriais que compõem o processo de uso corporativo ¿ a informação organizacional e o controle dos fluxos de pessoas e mercadorias ¿ identificamos um planejamento corporativo do território. A produção, a circulação e o poder articulador das informações são discutidos identificando os usos da informação organizacional sobre o território brasileiro por empresas globais de consultoria. Mostramos como a estruturação da rede urbana brasileira foi central para a ramificação no território nacional das empresas que atuam em áreas consideradas estratégicas. Dessa forma, investigamos a participação dessas corporações globais no processo de reestruturação produtiva das corporações, no processo de planejamento e na espoliação do território, assim como do aparelho estatal brasileiro a partir da década de 1990. Os processos de privatizações e concessões das infraestruturas compostas pelos sistemas de engenharia territoriais, ocorridos no Brasil a partir da década de 1990, são por nós investigados a partir da concessão do sistema de engenharia aeroportuária administrado pela empresa estatal INFRAERO (que teve início em 2012). Defendemos que, para além da ideologia do planejamento estratégico, verifica-se o fortalecimento de um planejamento corporativo a partir do controle da materialidade (aeroportos) e dos fluxos (linhas/malhas) por corporações nacionais e internacionais. Constatamos que o controle dos fluxos e dos fixos dotam as grandes corporações de um poder articulador do território, imprimindo neste uma lógica extravertida e globalizante, que coloca cada vez mais o Estado como apêndice do planejamento feito pelas empresas

Abstract: This thesis aims to identify the new practices of transferring the materialities of the territory and the territorial planning for large corporations. Under the insignia of strategic efficiency, public state authorities have transferred planning functions to large corporations that vertically impose extraverted global orders and actions, imposing on the territory logics and models formulated at the center of the capitalist system and whose objective is to keep peripheral countries subordinated and subservient to a globalized spoliation order. Our thesis concerns the latest years, when a new type of territorial planning was established in Brazil, based on the new uses that are made of the structuring elements of the territory. Shedding light on the territorial aspects that are part of the corporate use process - the organizational information and the control of people and assets flows - we identify a corporate planning of the territory. The production, circulation and articulating power of information are discussed, identifying the uses of organizational information on the Brazilian territory by global consulting firms. We show how Brazilian urban network structuring was central to national territory branching of companies that operate in areas considered strategic. Thus, we investigate the participation of these global corporations in the productive restructuring process of corporations, in the planning process and in the territory, as well as Brazilian state apparatus since the 1990s. We investigate the analysis of the processes of privatization and infrastructures concessions, composed by the territorial engineering systems, which have occurred in Brazil since the 1990s, by the airport engineering system, administered by the state-owned company INFRAERO (which beginning was in 2012). We argue that, beyond the strategic planning ideology, there is a strengthening of corporate planning through the control of materiality (airports) and flows (lines/meshes) by national and international corporations. We find that the control of flows and fixed assets endow the large corporations with an articulating power of the territory, imprinting on this an extraverted and globalizing logic, which increasingly places the State as an appendage of the planning done by the companies
Subject: Planejamento territorial
Privatização
Empresas de consultoria
Aeroportos
Concessões administrativas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: TEIXEIRA, Sérgio Henrique de Oliveira. Planejamento, informação e circulação: as concessões dos aeroportos brasileiros e os usos corporativos do território. 2018. 1 recurso online (333 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Teixeira_SergioHenriqueDeOliveira_D.pdf13.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.