Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/332305
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Traditional theory of semantic information without scandal of deduction : a moderately externalist reassessment of the topic based on urn semantics and a paraconsistent application = Teoria tradicional da informação semântica sem escândalo da dedução: uma reavaliação moderadamente externalista do tópico baseada em semântica urna e uma aplicação paraconsistente
Title Alternative: Teoria tradicional da informação semântica sem escândalo da dedução : uma reavaliação moderadamente externalista do tópico baseada em semântica urna e uma aplicação paraconsistente
Author: Mendonça, Bruno Ramos, 1988-
Advisor: Carnielli, Walter Alexandre, 1952-
Abstract: Resumo: A presente tese mostra que é possível reestabelecer a teoria tradicional da informação semântica (no que segue apenas TSI, originalmente proposta por Bar-Hillel e Carnap (1952, 1953)) a partir de uma descrição adequada das condições epistemológicas de nossa competência semântica. Uma consequência clássica de TSI é o assim chamado escândalo da dedução (no que segue SoD), tese segundo a qual verdades lógicas têm quantidade nula de informação. SoD é problemático dado que conflita com o caráter ampliativo do conhecimento formal. Baseado nisso, trabalhos recentes (e.g., Floridi (2004)) rejeitam TSI apesar de suas boas intuições sobre a natureza da informação semântica. Por outro lado, esta tese reconsidera a estratégia de assumir a semântica urna (RANTALA, 1979) como o pano de fundo metateórico privilegiado para o reestabelecimento de TSI sem SoD. A presente tese tem o seguinte plano. O capítulo 1 introduz o plano geral da tese. No capítulo 2, valendo-se fortemente de trabalhos clássicos sobre o externalismo semântico, eu apresento algum suporte filosófico para essa estratégia ao mostrar que a semântica urna corretamente caracteriza as condições epistemológicas de nossa competência semântica no uso de quantificadores. O capitulo 3 oferece uma descrição precisa da semântica urna a partir da apresentação de suas definições básicas e alguns de seus teoremas mais funda- mentais. No capítulo 4, eu me concentro mais uma vez no tema da informação semântica ao formalizar TSI em semântica urna e provar que nesse contexto SoD não vale. Finalmente, nos capítulos 5 e 6 eu considero resultados modelo-teóricos mais avançados sobre semântica urna e exploro uma possível aplicação paraconsistente das ideias principais dessa tese, respectivamente

Abstract: This thesis shows that it is possible to reestablish the traditional theory of semantic information (TSI, originally proposed by Bar-Hillel and Carnap (1952, 1953)) by providing an adequate account of the epistemological conditions of our semantic competence. A classical consequence of TSI is the so-called scandal of deduction (hereafter SoD) according to which logical truths have null amount of information. SoD is problematic since it does not make room for the ampliative character of formal knowledge. Based on this, recent work on the subject (e.g., Floridi (2004)) rejects TSI despite its good insights on the nature of semantic information. On the other hand, this work reconsiders the strategy of taking urn semantics (RANTALA, 1979) as a privileged metatheoretic framework for the formalization of TSI without SoD. The present thesis is planned in the following way. Chapter 1 introduces the thesis¿ overall plan. In chapter 2, relying heavily on classical works on semantic externalism, I present some philosophical support for this strategy by showing that urn semantics correctly characterizes the epistemological conditions of our semantic competence in the use of quantifiers. Chapter 3 offers a precise description of urn semantics by characterizing its basic definitions and some of its most fundamental theorems. In chapter 4, turning the focus once again to semantic information, I formalize TSI in urn semantics and show that in this context SoD does not hold. Finally, in chapter 5 and 6 I consider more advanced model-theoretic results on urn semantics and explore a paraconsistent possible application of the present idea, respectively
Subject: Lógica simbólica e matemática
Teoria da informação
Semântica (Filosofia)
Language: Inglês
Editor: [s.n.]
Citation: MENDONÇA, Bruno Ramos. Traditional theory of semantic information without scandal of deduction: a moderately externalist reassessment of the topic based on urn semantics and a paraconsistent application = Teoria tradicional da informação semântica sem escândalo da dedução: uma reavaliação moderadamente externalista do tópico baseada em semântica urna e uma aplicação paraconsistente. 2018. 1 recurso online (124 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Mendonca_BrunoRamos_D.pdf620.39 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.