Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/330873
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Assembléia macrofitofóssil do Rio Capivari : um registro da Flora Pré-Glossopteris - Tietê (SP), Brasil
Title Alternative: Macrophitofossil assemblage of Capivari River's outcrop : the Pre-Glossopteris Flora - state of São Paulo, Brazil
Author: Costa, Juliana Sampaio da, 1991-
Advisor: Ricardi-Branco, Fresia, 1963-
Abstract: Resumo: As assembleias fossilíferas permo-carboníferas da Bacia do Paraná exibem alta copiosidade em se tratando de conteúdo vegetal, característica que se observa também na paleoflora do Afloramento Rio Capivari, SP. Sua ocorrência sugere o início do estabelecimento da Província Paleoflorística de Glossopteris no paleocontinente Gondwana antes mesmo do fim da glaciação permocarbonífera. O conteúdo fóssil dos diferentes níveis estudados no Afloramento Rio Capivari atesta a influência de climas episódicos mais amenos, em meio a pulsos glaciais, momento em que essas florestas puderam se instaurar. A partir do estudo tafonômico das densidades e orientação das folhas in situ, foi possível propor interpretações paleoclimáticas, bem como estabelecer relações paleoambientais em conjunto com a análise do tamanho, forma e gênero de folhas, troncos e sementes carbonificadas ali encontradas. A etapa de amostragem resultou em onze níveis descritos e orientados, 252 amostras coletadas e cinco taxa identificados. No perfil de quatro metros, exposto na adjacência do Rio Capivari, foi aberta uma seção de 150x100x50 centímetros do topo à base, exibindo a posição estratigráfica e preservando a distribuição espacial dessas assembleias. Os resultados taxonômicos das folhas apontam a presença apenas do gênero Gangamopteris, sendo a espécie G. obovata de maior ocorrência. Esse gênero predominante é típico da Flora Pré-Glossopteris, e caracteriza-se por não possuir nervura mediana em seu padrão de venação, configurando em uma vegetação típica do Permiano do Gondwana Sul Ocidental em estágio inicial de instalação. Sua presença em meio a estruturas glaciais encontradas no perfil, como diamictitos e seixos em flat iron, aponta estágios cíclicos de clima mais brando, intercalados a momentos mais frios, revelando que o clima estava se aquecendo regionalmente e permitindo a instalação dessa vegetação mais perene. Sua perenidade é legitimada pela ocorrência de órgãos vegetais distintos na assembleia, especialmente sementes, cuja produção ocorre sazonalmente. Dados palinológicos obtidos em estudos anteriores sugerem que estas assembleias pertencem à zona Vitattina, subzona Protohaploxypinus goraiensis, no intervalo Asseliano-Sakmariano. A orientação dos espécimes indica que não há paleocorrente evidente ou sentido preferencial, caracterizando as assembleias como parautóctones. A litologia da coluna e estruturas sedimentares encontradas, somada a distribuição espacial e taxonomia das assembleias, evidencia que o paleoambiente pode estar relacionado às bordas de um lago ou planície de inundação. Estes fitofósseis se localizam abaixo dos últimos diamictitos glaciais e representam prova veemente de um período interglacial durante a deposição da assembleia

Abstract: Permo-Carboniferous fossil assemblages on the Paraná Basin exhibit high copiousness on plant content, which is also observed on the paleoflora of Rio Capivari (SP) outcrop. This occurrence suggests the beginning of the Glossopteris Paleofloristic Province on the Gondwana paleocontinent even before the Permo-Carboniferous glaciation. The fossil content on its different layered levels testify the influence of episodic mild climates, between glacial pulses, in which these forests bloomed. The in situ taphonomic study of leaves density and orientation allowed tracing paleoclimate interpretations, as well as establishing paleoenvironmental relationships, by analyzing the carbonized leaves, trunks, and seeds size, form, and genus. Sampling resulted in eleven described levels, 252 collected samples and five identified taxa. A 150x100x50 centimeters section was opened on the four-meter profile, outcropped on Capivari River adjacencies, exhibiting the stratigraphic positioning and preserving the spatial distribution of its assemblages. The taphonomic results showed presence of the Gangamopteris genus, with higher occurrence of the G.abovata species, typical from the Pre-Glossopteris flora. This genus is distinguished by the absence of midrib on the venation pattern, which spatially and temporally allocates this vegetation at the South Ocidental Gondwana, on its first stages of development, at the Permian. Its presence along with the glacial evidences on the profile, such as dimictites and flat iron pebbles, suggests cyclic stages of mild climates, interspersed by colder climates, revealing a regional warming that allowed the installation of this perennial vegetation. This perenniality is confirmed by the occurrence of distinct plants on the assembly, especially seeds, whose production occurs seasonally. Palynological data of previously studies suggests these assemblages belongs to the Vitattina zone, Protohaploxypinus goraiensis subzone, on the Asselian-Sakmarian interval. The specimens¿ orientation indicate the absence of evident paleocurrents or preferential sense, characterizing a parautoctonous assembly. The profile lithologies and sedimentary structures, as well as the assemblages special distribution and taphonomy, suggests the paleoenvironment is related to the edges of a lake or a floodplain. These phitofossils are located below the glacial diamictites and represent vehement proof of an interglacial period during the assembly deposition
Subject: Gondwana (Geologia)
Bacias (Geologia)
Gangamopteris cyclopteroides
Glossopteris
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: COSTA, Juliana Sampaio da. Assembléia macrofitofóssil do Rio Capivari: um registro da Flora Pré-Glossopteris - Tietê (SP), Brasil. 2017. 1 recurso online (88 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/330873>. Acesso em: 2 set. 2018.
Date Issue: 2017
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_JulianaSampaioDa_M.pdf6.07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.