Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312705
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Atendimentos registrados no Centro de Controle de Intoxicações de Campinas : análise do período de 1998 a 2011
Title Alternative: An analysis of cases registered at the Poison Control Center of Campinas between 1998 and 2011
Author: Costa, Aline de Oliveira, 1987-
Advisor: Alonzo, Herling Gregorio Aguilar, 1961-
Abstract: Resumo: A ocorrência de exposições e intoxicações como um problema de saúde pública tem sido amplamente relatada na literatura. Embora o atendimento ao intoxicado possa ser realizado em âmbito hospitalar ou ambulatorial, são os Centros de Informação e Assistência Toxicológica (CIATs) que fornecem as informações especializadas para este atendimento. Na cidade de Campinas, o Centro de Controle de Intoxicações (CCI) é referência nos atendimentos das exposições tóxicas provenientes da região. O presente trabalho teve por objetivo descrever os casos de exposições e intoxicações atendidas pelo CCI de Campinas, no período de janeiro de 1998 a dezembro de 2011. Para tal, foram analisadas variáveis relacionadas ao atendimento, ao paciente, à exposição, ao agente tóxico e à evolução do caso. Os dados utilizados foram obtidos no banco de dados do CCI-Campinas, no qual está contido o registro dos atendimentos realizados no período estudado e analisados através do software Epi InfoTM CDC/WHO versão 7.1.3.10. O trabalho foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob parecer nº 515.290/2013. Nos 14 anos estudados foram atendidos 51.665 casos, destes 27,9% foram classificados como exposições e 72,1% como intoxicações. Foi observado que 51,2% dos pacientes eram do sexo masculino e 48,3% do sexo feminino. A faixa etária predominante foi a de 1 a 4 anos com 28,6% dos casos, seguida pela faixa etária de 20 a 24 anos, com 9,4%. A circunstância prevalente foi a acidental, com 60,2% dos registros, seguida pela tentativa de suicídio, com 24,8%. Entre os principais grupos de agentes tóxicos, 32,5% eram medicamentos, 21% animais peçonhentos, 16,5% produtos químicos de uso domiciliar e 9,4% agrotóxicos. Como desfecho, 77,9% dos casos apresentaram a cura como evolução e, 0,6% evoluíram para óbito. A caracterização do perfil dos atendimentos realizados pelo CCI-Campinas, permitiu o conhecimento de suas especificidades e relevância para a saúde pública na região

Abstract: The occurrence of exposures and poisoning as a public health problem has been widely reported in the literature. Although the treatments to poisoned people can be performed in hospitals or outpatient basis, the Poison Control Centers are the service that provides specialized information for treatments. In the city of Campinas, the Poison Control Center is responsible for the treatment for toxic exposure from the region. This present study aims to describe the cases of toxic exposures treated by the Poison Control Centers of Campinas (CCI-Campinas), from january 1998 to december 2011. For this, variables were analyzed regarding treatment, patient, exposure, the toxic agent and evolution of the case. The data used were obtained from the database of the Poison Control Centers of Campinas, which contains the record of treatments made during the study period and analyzed using software Epi InfoTM CDC/WHO version 7.1.3.10. The work was approved by the Research Ethics Committee under report number 515.290/2013. In the 14 years studied 51.665 cases were treated, 27.9% of these were classified as exposures and 72.1% as poisoning. It was observed that 51.2% of patients were male and 48.3% female. The predominant age group was 1-4 years old, with 28.6% of cases, followed by the age group 20-24 years old, 9.4%. The prevalent condition was the accidental one, with 60.2% of the records, followed by attempted suicide, with 24.8%. Among the major groups of toxic agents, 32.5% were medications, 21% were poisonous animals, 16.5% were chemical products for domestic use and 9.4% were pesticides. As an outcome, 77.9% of cases evolved to healing, and 0.6% of cases died. The characterization of the profile of care provided by the CCI-Campinas allowed the knowledge of theis specific features and relevance to public health in the region
Subject: Centros de controle de intoxicações
Intoxicação
Epidemiologia
Editor: [s.n.]
Citation: COSTA, Aline de Oliveira. Atendimentos registrados no Centro de Controle de Intoxicações de Campinas: análise do período de 1998 a 2011. 2015. 206 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/312705>. Acesso em: 26 ago. 2018.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_AlinedeOliveira_M.pdf9.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.