Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/312247
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Avaliação de um protocolo utilizado em um ambulatorio de nefrologia pediatrica na investigação de pacientes em hematuria
Author: Carvalho, Neyla Liborio Pergentino
Advisor: Belangero, Vera Maria Santoro, 1952-
Abstract: Resumo: A utilização de um protocolo de investigação de Hematúria foi avaliada após ser aplicado a 79 pacientes com queixa de hematúria que haviam sido encaminhados ao ambulatório de Nefrologia Pediátrica do HC-Unicamp no período de janeiro de 1986 à dezembro de 1992. Para investigação etiológica da hematúria foi seguido um protocolo previamente estabelecido, sendo excluídos os casos com evidências de Síndrome N efrítica ou N efrótica. Todos os pacientes apresentavam função renal normal e tinham idade entre 2 a 16 anos. Foram distribuídos em 2 grupos e foi possível o esclarecimento etiológico da hematúria em 61 casos: com hematúria de origem glomerular (Síndrome de Alport- 7, Nefropatia IgA- 4, Doença de Membrana Fina- 3, hematúria glomerular ainda não esclarecida- 5) e com hematúria de origem não glomerular (hipercalciÚfia- 45, hematúria associada à hiperuricosÚfia-2, hematúria não glomerular não esclarecida- 13). O tempo médio de investigação foi de 30,3 meses para hematúria de origem glomerular e . de 18,3 meses para hematúria não glomerular. Observou-se que a hematúria assintomátca foi mais frequente no grupo glomerular, enquanto hematúria sintomática foi mais comum no grupo não glomerular, sendo dor abd0minal a queixa mais referida. No grupo glomerular, 74% dos pacientes tinham antecedentes familiares de insuficiência renal crônica, hematúria e surdez, enquanto no grupo não glomerular 61% apresentavam história familiar de litíase renal. Após a utilização do protocolo de investigação pôde-se observar que os parâmetros que mais contribuíram para indicar a origem glomerular da hematúria foram os antecedentes familiares e a proteinÚfia 24 horas. Como exame de triagem, a avaliação do dismorfismo eritrocitário, no presente estudo, não demonstrou elevada sensibilidade

Abstract: The efficacy of a investigation protocol for hematuria was evaluated after being employed in 79 children with hematuria of a Pediatric Nephrology Unit, during the last six years (01/1986 to 12/1992). The patients diagnosed as having Nephrotic Syndrome or Nephritic Syndrome were excluded. It was possible to find 61 defmitive diagnostics during long-term evaluation (:1:30,2 months). The patients were divided in two groups. The first group included patients with glomerular hematuria and the other group patients with non glomerular hematuria. There were 7 cases of Alport's Syndrome, 4 of 19A Nephropathy and 3 cases of Thin -Membrane Nephropaty. Forty-five patients had hypercalciuria and 02 HyperuricosQria. A family history of renal failure, hematuria and hearing loss had a specificity and predictive value of 86,7% and 62%, respectively. The evaluation of urinary erythrocytes morphology showed sensibility of 36,7%. The RBCs casts in urinary sediment and presence of proteinuria showed . sensibility of 6,8% and 52,4% respective1y
Subject: Hematura
Urina
Eritrócitos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CARVALHO, Neyla Liborio Pergentino. Avaliação de um protocolo utilizado em um ambulatorio de nefrologia pediatrica na investigação de pacientes em hematuria. 1997. 90f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/312247>. Acesso em: 22 jul. 2018.
Date Issue: 1997
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Carvalho_NeylaLiborioPergentino_D.pdf3.33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.