Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309783
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo de 34 casos enviados a um grupo de trabalho de epilepsia resistente
Author: Damasceno, Benito Pereira, 1942-
Advisor: Maciel Junior, Jayme Antunes, 1948-
Abstract: Resumo: São estudados 34 casos de epilepsia rebelde encaminhados ao Grupo de Trabalho de Epilepsia (GTE) do Instituto de Neurologia de Goiânia-GO no período fevereiro/1984 - maio/1986. Todos eram submetidos a uma reavaliação neurológica , eletrencefalográfica e neuro-radiológica, para diagnóstico e classificação das crises. Havia 7 casos de crises primariamente generalizadas, 8 de crises parciais motoras e 23 de crises parciais complexas, com alguns pacientes tendo mais de um tipo de crise. A etiologia foi desconhecida em 19 pacientes (55,8%); provável neurocisticercose em 6; anoxia perinatal em 5, trauma de parto em 3 e provável seqüela de encefalite em 2 pacientes. Quase todos tratados com carbamazepina (dose média de 24,S mg/Kg/dia), difenil-hidantoina (5 mg/Kg) e ácido valpróico (28 mg/Kg), em forma monoterápica ou associada entre si. Obteve-se uma redução acima de 80% da freqüência das crises em 22 pacientes (64,7%), além de leve melhora da qualidade de vida. O autor conclui sobre as vantagens de uma equipe especializada, multidisciplinar, na abordagem da epilepsia de difícil controle e, após analisar criticamente as razões da falha terapêutica no período pré-GTE, ressalta a necessidade de: a) - Diagnóstico correto das crises, seguido do uso da medicação apropriada, por tempo suficiente (mínimo de 6 meses) e em dose adequada (até a dose máxima tolerável), abandonando-a só depois do controle de sua concentração sérica; e b) -Maior engajamento do paciente e família no tratamento.

Abstract: The author analysed 34 cases of resistant epilepsy (20 males and 14 females, mean age 23 years), treated clinically between february/1984 and may/1986. The patients underwent neurological, neuropsychological, psychological, psychiatric, cerebrospinalfluid, electroencephalographic, tomographic and/or angiographic examination. Most of the patients had complex partial seizures. The etiology was unknown in 19 patients (55,8%), probable neurocysticercosis in 6, perinatal hypoxia in 5,delivery trauma in 3 and probable sequelae of infantile febrile convulsion in 2 patients. Most patients received carbamazepine (mean dose 24,5 mg/Kg/day), phenytoin (5mg/Kg) and valproic acid (28 mg/Kg) as monotherapy or in association.Twenty two patients (64,7%) had more than 80% decrease of the seizure frequency. Nine resistant epilepsy cases (24,5%) were evaluated as candidates for surgical therapy. The author conclued that the resistant epilepsy is best managed by aspecialised, multidisciplinary team, and pointed out the need of a correct diagnosis of the seizure type, an adequate drug therapy and a good engagement of the patient and of its family in the treatment.
Subject: Epilepsia - Estudo de casos
Convulsões
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: DAMASCENO, Benito Pereira. Estudo de 34 casos enviados a um grupo de trabalho de epilepsia resistente. 1988. 42 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/309783>. Acesso em: 14 jul. 2018.
Date Issue: 1988
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Damasceno_BenitoPereira_M.pdf738 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.