Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290151
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Avaliação estrutural da articulação temporomandibular de individuos sintomaticos e assintomaticos em imagens por ressonancia magnetica
Author: Leite, Christiana Cordeiro
Advisor: Almeida, Solange Maria de, 1959-
Abstract: Resumo: O presente estudo teve como objetivos verificar a prevalência de sinais e sintomas de desordens temporomandibulares e de alterações estruturais da A TM, verificadas em imagens por Ressonância Magnética, estabelecendo correlação entre estas e os sinais e sintomas clínicos. Foram selecionados clinicamente 50 indivíduos com sinais e sintomas de desordens temporomandibulares e, como grupo controle, 20 indivíduos assintomáticos. Todos os indivíduos foram avaliados em exames bilaterais da ATM por Ressonância Magnética, com seqüências sagitais ponderadas em TlISE e TIrrSE, coronal ponderada em TI e dinâmica/FFE. Os resultados obtidos permitiram concluir-se que os indivíduos sintomáticos apresentaram cefaléia (76%), dor (72%), "clicking" (54%), dor à palpação dos músculos mastigatórios (49%), bruxismo (48%), dor à palpação da ATM (37%), desvio ou deflexão mandibular (35%) e limitação da abertura bucal (12%). As imagens por Ressonância Magnética mostraram que os indivíduos assintomáticos não apresentaram alterações estruturais da A TM, com exceção da presença de hipermobilidade condilar, em 25% das ATMs. Considerando os indivíduos sintomáticos, observou-se hipermobilidade condilar em 49% e mobilidade condilar normal em 45% das ATMs. Posição normal do disco foi verificada em 49% das ATMs, anterior (44%), ântero-Iateral (2%), medial (2%), anterior parcial na porção lateral da articulação (2%) e ântero-medial (1%). Quanto à função do disco, 49% das ATMs foram normais, 34% apresentaram deslocamento do disco com redução e 17% das ATMs apresentaram deslocamento do disco sem redução. Morfologia normal do disco foi observada em 69% das ATMs, indeterminada (9%), biplanar (8%), dobramento do disco (7%), biconvexo (5%) e espessamento da banda posterior (2%). Efusão articular foi verificada em 17% das A TMs e alterações ósseas em 22% das A TMs. Quando avaliadas posição e função do disco com alterações ósseas, houve correlação estatisticamente significante (nível de 1 %); entretanto, o mesmo não ocorreu entre posição ou função do disco e mobilidade condilar. Quando avaliadas posição do disco e sinais e sintomas, observou-se correlação estatisticamente significante com dor à palpação da A 1M e desvio ou deflexão mandibular, não apresentando correlação estatisticamente significante com os demais sinais e sintomas. Considerando a função do disco, houve correlação estatisticamente significante com posição e morfologia do disco, efusão articular, "clicking", abertura bucal máxima (nível de 1%), dor à palpação da ATM e desvio ou deflexão mandibular {nível de 5%). Entretanto, a correlação entre função do disco e dor, dor à palpação dos músculos mastigatórios, cefaléia e bruxismo não foi estatisticamente significante

Abstract: The present study had as objectives to verify the prevalence of temporomandibular disorders signs anel symptoms and TMJ structural changes, verified io Magnetic Resonance images, establishing correlation between these and the clínical signs and symptoms. Fifty individuais were clinically selected with temporomandibular disorders signs and symptoms and a control group of 20 asymptomatic individuals. Bilateral TMJ magnetic resonance images were obtained for alI the individuaIs, with sequences sagittal TI-weightedlSE and T2-weighted!I'SE, coronal TI-weightedlSE and dynamiclFFE. The obtained results allowed to conclude that the symptomatic individuaIs presented cephalalgia (76%), paio (72%), clicldng (54%), paio to palpation of the masticatory muscles (4~1Ó), bruxism (48%), paio to palpation of the TMJ (37%), deviation or detlection of the mandible (35%) and limited mouth opening (12%). The magnetic resonance images showed that the asymptomatic individuaIs did not PreSent TMJ structural changes, except for the presence of condylar hipermobility, in 25% of TMJs. Considering the symptomatic individuais, condylar hipermobility was observed in 4~1Ó and normal condylar mobility in 45% of TMJs. Normal disk position was verified in 490,10 of TMJs, anterior (44%), anterolateral (2%), medial (2%), anterior partial in the lateral aspect of the articuIation (2%) and anteromedial (1 %). Considering tOO disk function, 490,10 ofTMJs were normal, 34% presented disk displacement with reduction and 170,10 of TMJs presented disk disp1acement without reduction. Normal disk morphology was observed in 690,10 of TMJs, indeterminate (90,10), biplanar (8%), disk folding (7%), biconvex (5%) and thickening of the posterior band (2%). Joint effusion was verified in 17% of 1MJs and osseous changes in 22% of TMJs. When appraised POsition and function of the disk with osseous changes, there was statisticaIly significant correlation (leveI of 1 %); however, the same did not happen between Position or function of the disk and condy1ar mobility. When appraised disk Position and signs and symptoms, statistically significant correlation was observed with pain to palpation of the TMJ and deviation or deflection of the mandible, not presenting statistically significant correlation with the other signs anel symptoms. Considering the disk fimction, there was statistically significant correlation with POsition anel morphology of the disk, osseous changes, joint effusion, clicking, maximal mouth opening (levei of 1 %), pain to palpation of the TMJ and deviation or def1ection of the mandible (levei of 5%). However, the correlation between disk function and pain, pain to palpation of the masticatory muscles, cephala1gia and bruxism was not statistically significant
Subject: Articulação temporomandibular
Ressonância magnética
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: LEITE, Christiana Cordeiro. Avaliação estrutural da articulação temporomandibular de individuos sintomaticos e assintomaticos em imagens por ressonancia magnetica. 2000. 245p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/290151>. Acesso em: 26 jul. 2018.
Date Issue: 2000
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Leite_ChristianaCordeiro_D.pdf5.29 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.