Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286729
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Tecnologias da informação e novos usos do territorio brasileiro : uma analise a partir do zoneamento agricola de riscos climaticos para a soja
Title Alternative: Technologies of the information and new uses of the brazilian territory
Author: Biudes, Fabiano
Advisor: Castillo, Ricardo, 1963-
Castillo, Ricardo Abid, 1963-
Abstract: Resumo: Este trabalho aborda o uso das tecnologias da informação na formulação de um conhecimento aprofundado sobre o território brasileiro. Diante da amplitude do tema, analisar-se-á a produção do zoneamento agrícola de riscos climáticos a partir de bases técnico-científicas modernas, que permitem o desenvolvimento de um instrumento racionalizador para os usos possíveis e permitidos de cada área zoneada. O objetivo principal do zoneamento é reduzir as perdas agrícolas decorrentes de práticas inadequadas, obtendo resultados que vão além desse campo, como as modificações que ocorreram no sistema normativo e no mercado financeiro agrícola. A especialização produtiva do território foi alcançada a partir da definição de produtos, culturas e datas específicas para cada cultura e região, aprofundando cada vez mais a seleção dos lugares conforme suas aptidões agrícolas. Esta situação pode ser analisada mais diretamente por meio da evolução da soja no Brasil, principalmente a partir da década de 1970/ 80. A soja conquistou grandes áreas no Centro-Oeste e foi alvo de intensas pesquisas, que hoje concentra grande parte dos seus resultados nas portarias do zoneamento agrícola de riscos climáticos. O zoneamento agrícola de riscos climáticos trouxe segurança razoável a um. ambiente marcado por incertezas e exposto às intempéries climáticas. Por isso, todo o conjunto de agentes e ações envolvidos teve que se reestruturar para não perder a competitividade ou para apenas se manter neste ramo. Enfim, este tipo de zoneamento agrícola tem se mostrado bastante condizente às demandas do mercado e a situação tecnológica deste período. Tanto os agentes modernos quanto os recalcitrantes têm a sua disposição um modelo de planejamento que rompeu com o paradigma produtivo que vigorava até então. Embora o zoneamento foi desenvolvido para salvar a pequena produção, as alianças entre este novo sistema de produção e os recursos financeiros agrícolas aprofundou ainda mais algumas desigualdades, conforme pode-se ver comparando os crescentes custos de produção

Abstract: This work approaches the use of the technologies of the information in the formularization of a knowledge deepened on the Brazilian territory. Ahead of the amplitude of the subject, it will be analyzed production of the agricultural zoning of climatic risks from modern technician-scientific bases, that allow the development of a pointer instrument for the possible and allowed uses of each studied area. The main objective of the zoning is to reduce practical the decurrent agricultural losses of inadequate, getting resulted that they go beyond this field, as the modifications that had occurred in the normative system and agricultural the financial market. The productive specialization of the territory was reached from the definition of products, specific cultures and dates for each culture and region, going deep each time more the election of the places in agreement its agricultural aptitudes. This situation can more directly be analyzed by means of the evolution of the soy in Brazil, mainly from the decade of 1970/80. The soy conquered great areas in the Center-West and was white of intense research, that today great part of its results concentrates in would carry them of the agricultural zoning of climatic risks. The agricultural zoning of climatic risks brought reasonable security to an environment marked for climatic uncertainties and displayed to climatics oscillations. Therefore, ali the set of agents and involved actions had that to reorganize itself not to lose the competitiveness or for only remaining itself in this branch. At last, this type of agricultural zoning if has shown sufficiently adjusted to the demands of the market and the technological situation of this period. As much the modern agents how much the recalcitrant people have its disposal a planning model that breached with the productive paradigm that invigorated until then. Although the zoning was developed to save the small production, the alliances between this new system of production and the great financial resources agricultural deepened some inequalities still more, as it can yourself be seen comparing the increasing costs of production
Subject: Tecnologia da informação
Território nacional - Brasil
Zoneamento
Soja
Agricultura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: BIUDES, Fabiano. Tecnologias da informação e novos usos do territorio brasileiro: uma analise a partir do zoneamento agricola de riscos climaticos para a soja. 2005. 168p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/286729>. Acesso em: 5 ago. 2018.
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Biudes_Fabiano_M.pdf6.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.