Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/283871
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: "Mas eu sabe tudo" : compreendendo o mundo-vida da criança hospitalizada na unidade de terapia intensiva pediátrica por meio do brinquedo terapêutico
Title Alternative: But I know all : understanding the life-world of hospitalized children in pediatric intensive care through therapeutic toy
Author: Scaggion, Leslie Rose Esper, 1979-
Advisor: Melo, Luciana de Lione, 1973-
Abstract: Resumo: A mudança do perfil epidemiológico das doenças da infância influenciada pela melhora das condições de vida e saúde, o progresso científico, a tecnologia agregada aos meios diagnósticos, levaram a profundas alterações na população pediátrica atendida pelos serviços de saúde. Essas transformações aumentaram a necessidade de cuidados mais complexos, recursos humanos e materiais adequados, tecnologia diagnóstica e terapêutica, preocupação com a humanização, além de unidades de cuidados intensivos. As unidades de terapia intensiva pediátrica (UTIP) foram criadas com o objetivo de prover o cuidado ideal às crianças gravemente doentes, de tal forma a propiciar a cura de doenças, bem como favorecer o crescimento em direção a uma vida com qualidade, com o pleno desenvolvimento de suas potencialidades. Apesar disso, as UTIP são consideradas ambientes estressantes, podendo afetar a criança emocionalmente. Neste contexto, o brinquedo terapêutico (BT), cuja finalidade é permitir a compreensão dos sentimentos e das reações emocionais à própria criança e à equipe de saúde, assim como prepará-la para procedimentos desagradáveis, emerge como uma estratégia essencial à criança, pois o brincar é parte integrante do desenvolvimento saudável infantil, inclusive quando a mesma encontra-se em situação de hospitalização. O objetivo deste estudo foi compreender as vivências de crianças pré-escolares hospitalizadas em Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica por meio do brinquedo terapêutico dramático como instrumento de acesso ao mundo-vida das crianças. Trata-se de um estudo fenomenológico com oito crianças que participaram de sessões de brinquedo terapêutico dramático na UTIP e, após a alta desta unidade, na Unidade de Internação Pediátrica. O brincar das crianças, gravado em áudio digital e transcrito na íntegra, e as anotações em diário de campo compuseram os discursos fenomenológicos. A análise da estrutura do fenômeno situado se deu à luz da Teoria do Amadurecimento de Winicott e revelou três categorias temáticas: vivenciando a hospitalização, rememorando sua história para além da hospitalização e amadurecendo com o brincar. Brincar revelou-se necessário mesmo nas condições clínicas mais adversas, pois se mantém a necessidade de exteriorizar e compreender as novas vivências e limitações, sendo o BT uma tecnologia adequada. O mundo-vida desvelou-se por meio da integração das novas vivências com aquelas já conhecidas, oscilando entre os estágios de dependência da figura materna, revelando a complexidade do ambiente da UTIP sem a presença da mãe, possibilitando a compreensão de quão causadora de sofrimento é a vivência da hospitalização numa unidade intensiva

Abstract: The changing epidemiology of childhood diseases, influenced by an improvement of the living conditions and health, the scientific progress, and the technology aggregated to the diagnostic techniques have led to profound transformation in the pediatric population served by health services. These changes have increased the need for more complex care, human resources and materials, technology diagnostic and therapeutic, concerns with humanization, besides the intensive care units. The pediatric intensive care units (PICU) were created with the goal of providing optimal care to critically ill children, such to facilitate the healing of diseases and promote growth toward a quality of life with the full development of their potential. In spite of that, the PICU are considered stressful environments, affecting the child emotionally. In this context, the therapeutic play (TP), whose purpose is to enable the understanding of the child¿s own feelings and emotional reactions by the healthcare team, as well as to prepare them for unpleasant procedures, emerges as an essential strategy to the child, because playing is an integral part of a healthy infant development, even when it is in hospitalization. The objective of this study was to understand the experiences of preschool children hospitalized in the Pediatric Intensive Care Unit through the dramatic therapeutic play as an instrument of access to the life/world of the children. This is a phenomenological study with eight children who participated in a dramatic therapeutic play sessions at the PICU and, after the medical discharge from this unit, at the Pediatric Care Unit. The playing with the children, was recorded in digital audio and transcribed in full, and the notes in the field journal composed the phenomenological discourse. The analysis of the structure of the phenomenon occurred in the light of the theory the maturing of Winicott and revealed three themes: experiencing the hospitalization, recalling its history beyond the hospitalization and growing mature with playing. The playing was revealed to be necessary even when the clinical conditions more adverse because the need to externalize and understand new experiences and limitations remains present, being the TP an adequate technology. The life/world experience revealed itself by means of integrating new experiences with those already known, ranging from dependence stages of the maternal figure, revealing the complexity of the PICU without the presence of the mother, enabling the understanding of how the experience of hospitalization is the cause of suffering in an intensive care unit
Subject: Unidades de terapia intensiva
Jogos e brinquedos
Crianças - Hospitais
Enfermagem
Editor: [s.n.]
Citation: SCAGGION, Leslie Rose Esper. "Mas eu sabe tudo": compreendendo o mundo-vida da criança hospitalizada na unidade de terapia intensiva pediátrica por meio do brinquedo terapêutico. 2013. 158 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Enfermagem, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/283871>. Acesso em: 24 ago. 2018.
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FENF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Scaggion_LeslieRoseEsper_M.pdf2.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.