Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280366
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Fechando com chave de ouro : o significado da paternidade e da maternidade na experiencia das classes populares no Rio de Janeiro
Author: Almeida, Carla Cristina Lima de
Advisor: Debert, Guita Grin, 1948-
Abstract: Resumo: Este trabalho explora os significados da reprodução na experiência de casais pertencentes às classes populares na c dade d o Rio de Janeiro. As decisões de regular o nascimento de filhos, bem como a obtenção de meios para isso, não são referentes exclusivamente ao casal. As interferências de uma rede social muito ampla se fazem sentir no modo como suas histórias reprodutivas se desenrolam. No tocante à relação conjugal é dada ênfase às estratégias de poder - tais como manobras e negociações mais diretas - atualizadas por homens e mulheres para assegurarem seus interesses reprodutivos os quais, nem sempre, são coincidentes. Considera-se, como parte do ideário da "cultura ocidental", o fato das definições de "pai" e "mãe" darem-se com base na conexão firmada entre reprodução e laços de parentesco. As experiências aqui analisadas, tomadas na sua singularidade, trincam esta equação ao enunciar uma série de práticas que intervêm na construção desses relacionamentos. Nesse sentido, é ímpar a situação dos "enteados" na análise das significações sobre paternidade e maternidade. Do ponto de vista das práticas institucionais, são examinados discursos de participação masculina no plano dos debates internacionais e as estratégias locais acionadas por Programas e serviços. O modo muito variado pelo qual tais discursos chegam e se desenvolvem no plano local deixa ver as mediações necessárias para a conformação das práticas institucionais pelos agentes. Nos itinerários que percorrem para realizarem anticoncepção os casais da pesquisa equacionam os limites e as possibilidades apresentados pelos serviços - instituições de saúde e farmácias - buscando alternativas junto à rede de amigos, conhecidos e familiares. A pesquisa mostra que os casais traçam suas histórias reprodutivas na articulação com um amplo conjunto de relações sociais, travadas nas convivências familiar, conjugal, de vizinhança e de amizades, bem como mediante a interação destas pessoas junto à mídia, especialistas, religiosos e técnicos. Nesses cruzamentos, elas refletem, avaliam e definem, suas experiências de concepção/contracepção

Abstract: This work explores the meanings of reproduction on the experience of low c1ass couples from the city of Rio de Janeiro. The decisions of children birth control, as well as getting the means to do it, are not referring exclusively to the couple. The int erferences of a very wide social network are expressed in the way their reproductive stories are developed. In terms of a conjugal relationship it is emphasized the power strategies - so as maneuvering and more direct negotiations - updated by men and women in order to assure their reproductive interests in which, not always, are coincidents. Considering as part of the "west culture" ideas, the fact of "father" and "mother" definitions are based on the connection established between reproduction and terms of parenthood. The experiences analyzed here, taken in their singularity, crack that equation in announcing a serie of pratices that interfere in the construction of these relationships. On that sense, it is unique the situation of the stepsons in the analysis of fatherhood and motherhood meanings. From institutional practices point of view, speeches based on male participation are examined in the plan of intemational debates and the local strategies put in action by programs and services. The varied way in which those arguments come to be developed in a local plan show the necessary mediations to the conformation of the institutional practices by the agents. The path they use to provide contraception, the couples of the research equate the limits and possibilities showed by services - health institutions and drugstores - searching for altematives among their friends network, known people and relatives. The research shows that the couples draw their reproductive stories in the articulation with a wide whole of social relations, blocked in family environment, marital, neighborhood and friendship, so as through the interaction of those people in the media, specialists, religious and health technicians groups. In these crossing situations, they reflect, evaluate and define their experiences of conceptionlcontraception
Subject: Família
Gênero
Reprodução
Anticoncepção
Antropologia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ALMEIDA, Carla Cristina Lima de. Fechando com chave de ouro: o significado da paternidade e da maternidade na experiencia das classes populares no Rio de Janeiro. 2004. 232p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/280366>. Acesso em: 3 ago. 2018.
Date Issue: 2004
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Almeida_CarlaCristinaLimade_D.pdf15.36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.