Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/258116
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Desinfecção de esgotos com radiação ultravioleta : influencia da qualidade do efluente e da fotorreativação
Author: Pires, Marco Roberto
Advisor: Paterniani, José Euclides Stipp, 1957-
Abstract: Resumo: Desinfecção de esgotos com radiação ultravioleta vem sendo utilizado, principalmente, em países europeus e nos EUA. A fotorreativação dos microrganismos tem sido avaliada para determinar seu grau de interferência na desinfecção. Este trabalho teve como objetivo avaliar a radiação ultravioleta para diferentes qualidades de efluentes e estudar a fotorreativação. Foram utilizados dois reatores diferentes, sendo um com lâmpadas emersas e outro imersa. Os reatores foram testados em seis efluentes diferentes para quatro vazões diferentes para cada reator. Os coliformes totais e fecais foram analisados para avaliar a eficiência dos reatores. Ensaios de fotorreativação em condições controladas foram realizadas. De forma geral, o Reator I foi mais eficiente que o Reator TI, e a qualidade do efluente muitas vezes foi mais importante que a dose aplicada como apresentada no Ponto de Coleta 3 para coliformes fecais, em que a inativação foi maior para a vazão 4 (com menor tempo de exposição à luz) em vez de ocorrer para a vazão 1 (com maior tempo de exposição). Doses de radiação ultravioleta mais altas implicam em valores iniciais e finais de fotorreativação menores, porém para atingir o valor máximo necessita de mais tempo. Quanto maior a dose de radiação ultravioleta aplicada menor é o grau de fotorreativação; os coliformes totais tem melhor correlação para análises desta natureza quanto comparado com a E.co/i

Abstract: Disinfection of effluents with ultraviolet radiation has been used in Europeans countries and United States. The photoreactivation of microorganism have been estimated to determine the influence on the disinfection. The objective of this work had to evaluate the ultraviolet disinfection to different qualities of effluent and photoreactivation. Two different kinds of reactors were used in experimental analyzed. The reactors were tested to six different effluents for four flows. Total and fecal coliforms were analyzed to estimate the efficiency of reactors. Assays of photoreactivation were analyzed in controlled conditions. In most of case, the Reactor I was more efficient than Reactor II, and effluent quality was more important than the dose uv applied. Dose uv higher imply in initial and final values of lower photoreactivation. The total coliforms have better correlation than E.coli
Subject: Desinfecção e desinfetantes
Águas residuais
Esgotos
Radiação ultravioleta
Água - Purificação - Tratamento biológico
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: PIRES, Marco Roberto. Desinfecção de esgotos com radiação ultravioleta: influencia da qualidade do efluente e da fotorreativação. 2002. 128p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Civil, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/258116>. Acesso em: 2 ago. 2018.
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pires_MarcoRoberto_D.pdf5.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.